EEAN - Escola de Enfermagem Anna Nery Universidade Federal do Rio de Janeiro

EEAN - Educação a Distância
Home » Educação a Distância (PROFAE) - Curso de Formação Pedagógica em Educação Profissional na área de Saúde : Enfermagem

Educação a Distância (PROFAE) - Curso de Formação Pedagógica em Educação Profissional na área de Saúde: Enfermagem

Curso de Formação Pedagógica em Educação Profissional na área de Saúde : Enfermagem

INTRODUÇÃO

O Projeto de Profissionalização dos Trabalhadores da Área de Enfermagem – PROFAE expressa a política do Ministério da Saúde, através da Secretaria de Gestão de Investimentos em Saúde – SIS, visando, entre suas ações, desenvolver a formação dos recursos humanos na área da saúde, no sentido de prestar um efetivo atendimento à população brasileira. Atenderá também à necessidade atual de competência técnica, humana e interativa exigida pelo mercado de trabalho e cumprirá os preceitos constitucionais no que tange aos direitos dos cidadãos e ao dever do Estado brasileiro.

No âmbito deste projeto, a proposta de um curso de Especialização em Educação Profissional na área de Saúde: Enfermagem, vem suprir a necessidade urgente de se formar professores especializados nessa área. Este curso mobilizará um contingente de 12 000 enfermeiros os quais atuarão como professores nos cursos de Auxiliares de Enfermagem promovidos em todo o Brasil enfrentando o desafio de ampliar e contextualizar a formação para a docência em Educação Profissional, legalmente exigida.

A clientela alvo é composta por graduados, pós-graduados e até mesmo licenciados em Enfermagem, que demonstram interesse em cursos que representem avanço no seu itinerário profissional, o que determinou que este curso seja oferecido em nível de especialização, representando também uma alternativa de atualização para os docentes que almejam alcançar maiores níveis de qualificação profissional e autonomia, mediante a utilização dos meios tecnológicos de Comunicação e Informação.

 

I) Da Documentação Necessária:

No ato de inscrição os candidatos deverão preencher formulário próprio fornecido pela Secretaria do Núcleo Regional e apresentar as seguintes documentações em original e 01 cópia:

  • Diploma de Graduação em Enfermagem(cópia autenticada)
  • Documento comprobatório de vínculo funcional/contratual com escola/curso de Qualificação Profissional em Auxiliar de Enfermagem promovido pelo PROFAE.
  • Carteira de Identidade e CPF
  • Três fotografias 3x4
  • Título de Eleitor com comprovante da última votação
  • Certidão de Nascimento ou Casamento
  • Prova de quitação das obrigações militares (sexo masculino)
  • Inscrição no COREN
  • Currículo Vitae resumido

 

II) Da Inscrição:

Será realizado pelo (a) candidato (a) pessoalmente ou por seu representante legal, no NAD responsável pela Região/Município/Bairros onde se localiza a instituição na qual o candidato leciona pelo PROFAE. A Região/Município/Bairro sob a responsabilidade de cada NAD é a seguinte:

NAD UFRJ = Municípios:

  • Itaguaí
  • Belford Roxo
  • Caxias
  • Nova Iguaçu
  • Município do Rio de Janeiro:
  • Campo Grande - AP5
  • Jacarepaguá - AP4
  • Centro/Portuária - AP1
  • Deodoro - AP3-3
  • Madureira - AP3-3

Endereço do NADs Escola de Enfermagem Anna Nery/ UFRJ:
R. Afonso Cavalcanti, nº 275 - Cidade Nova
Rio de Janeiro - RJ
Cep: 20.211-110

 

III) Da Modalidade, Nível de Ensino e Certificação:

O curso requer 660 horas de atividades e estudos, majoritariamente na Modalidade a Distância, com momentos presenciais de supervisão e avaliação, devendo ser concluído num período máximo de 11 (onze) meses, conforme estabelecido na Proposta Pedagógica do Curso e seguindo Cronograma de Execução a ser estabelecido pelos Núcleos Regionais do Estado do Rio de Janeiro.

O acompanhamento do processo de aprendizagem dos alunos será realizado pelo corpo de tutores, numa relação de 1 (um) tutor para 32 alunos. A comunicação e interação tutor-aluno serão possibilitadas por meio de fax, correio, internet (web site, e-mail) e linha telefônica (sem custo para o aluno), priorizando-se a forma mais favorável ao aluno para os contatos e envio dos documentos relativos às atividades do curso.

O aluno poderá acessar os recursos bibliográficos disponíveis na(s) Universidade(s), Biblioteca da Fundação Oswaldo Cruz e Biblioteca Virtual que complementa o estudo dos módulos.

Os momentos presenciais de supervisão serão realizados nos locais da prática pedagógica do aluno e os de avaliação serão promovidos de maneira presencial em cada NAD requerendo o deslocamento do(a) aluno(a) até o local formalmente comunicado, às suas próprias custas.

A organização curricular do curso é modular, totalizando 11 (onze) módulos, estruturados nos Núcleos Contextual, Estrutural e Integrador. Estes módulos constituem-se no material didático impresso a ser fornecido ao aluno no decorrer do desenvolvimento do curso, juntamente com o guia do aluno, onde constam informações fundamentais sobre a sua estrutura, funcionamento, sistema de avaliação, níveis de coordenação dentre outras. Cada módulo é uma unidade didática que permite integrar, de forma mais fácil, conteúdos teóricos e práticos e estabelecer relações entre várias áreas do conhecimento que se articulam a partir de temas que têm sua origem nas práticas sociais.

 


IV) Parcerias:

O Curso de Formação Pedagógica em Educação Profissional na Área de Saúde é desenvolvido em parceria com as seguintes universidades:

1. Universidade Federal da Bahia - UFBA
2. Universidade Federal do Ceará - UFCE
3. Universidade Federal do Espírito Santo - UFES
4. Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG
5. Universidade Federal do Paraná - UFPR
6. Universidade Estadual de Londrina - UEL
7. Universidade Estadual de Maringá - UEM
8. Universidade Federal de Pernambuco - UFPE
9. Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ
10. Universidade Federal do Fluminense - UFF
11. Universidade Estadual do Rio de Janeiro - UERJ
12. Universidade Estadual Paulista Botucatu - UNESP
13. Universidade de São Paulo - Ribeirão Preto - USP de R.P.
14. Universidade de São Paulo - USP
15. Universidade Federal de Alagoas - UFAL
16. Universidade Federal de Sergipe - UFSE
17. Universidade Federal do Maranhão - UFMA
18. Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN
19. Universidade de Brasília - UNB
20. Universidade Federal da Paraíba - UFPB
21. Universidade Federal do Piauí - UFPI
22. Universidade Federal de Goiás - UFGO
23. Universidade Federal do Amazonas - UFAM
24. Universidade Federal do Mato Grosso - UFMT
25. Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRS
26. Universidade Federal de Santa Maria - UFSM
27. Universidade Federal de Rondônia - UFRO
28. Universidade Federal do Mato Grosso do Sul - UFMS
29. Universidade Federal do Pará - UFPA
30. Universidade Federal do Amapá - UFAP
31. Universidade Federal do Acre - UFAC




V) Curso:

A Coordenação do Programa de Educação a Distância, da Escola Nacional de Saúde Pública, da Fundação Oswaldo Cruz - FIOCRUZ, em articulação com a Secretaria de Gestão de Investimentos em Sáude-SIS, do Ministério da Saúde, apresenta aos enfermeiros(as) de todo o País um novo desafio: o de participar do Curso de Formação Pedagógica em Educação Profissional na Área de Saúde: Enfermagem para atuarem, como especialistas, no processo de formação de auxiliares de enfermagem promovido pelo Projeto de Profissionalização dos Trabalhadores da Área de Enfermagem- PROFAE.

O Curso visa proporcionar as competências para o exercício da docência, por cerca de 12.000 enfermeiros, nos cursos do PROFAE de formação profissional dirigidos a 225.000 atendentes de enfermagem dos setores público e privado, em todo o país.

Elaborado na modalidade de educação a distância e com apoio de tutoria especializada, o Curso é desenvolvido em parceria com escolas/departamentos de Enfermagem de universidades públicas de todo o Brasil, onde funcionam os Núcleos Regionais do Curso.


VI) Objetivos:

  • formar docentes em educação profissional de nível técnico em saúde/enfermagem comprometidos com as necessidades sociais em geral e com as de saúde em particular.
  • desenvolver uma sólida formação teórico-prática, com bases filosóficas, científicas, técnicas e políticas, para a adoção de uma prática docente crítica, significativa e emancipadora.
  • oferecer, através de equipe multidisciplinar, uma formação pedagógica pautada na reflexão, visando à construção e ao desenvolvimento de projetos político-pedagógicos com base em novas competências e tecnologias para o ensino de nível técnico em Enfermagem e demais subáreas de saúde.
  • proporcionar situações para que os docentes de enfermagem reflitam sobre a responsabilidade social de transformar os "trabalhadores ocupacionais" em profissionais da área da Saúde na especificidade de Enfermagem.

 

VII) Proposta Pedagógica:

Este Curso foi construído a partir de uma concepção pedagógica que, na sua essência , reconhece a Educação, assim como a Saúde, como práticas que integram o sistema social, no conjunto das demais práticas da nossa sociedade, repleta de desafios. Tal concepção pedagógica indica como caminhos:

  • a educação a distância como alternativa para aprender a aprender;
  • desenvolvimento de competências para a docência em educação profissional de nível técnico na área de saúde;
  • a articulação entre saúde e educação;
  • tratamento dos conteúdos por temas, de forma a superar a clássica estrutura disciplinar;
  • a teoria como reflexão sobre a prática;
  • respeito à prática e ao conhecimento já adquiridos pelos alunos.
  • a abordagem crítica, reflexiva e contextualizada dos conteúdos.
  • a busca da autonomia.

 

 

VIII) Material Didático:

Os alunos contam com o apoio de um professor-tutor no Núcleo Regional, podendo utilizar a Internet, o fax ou a linha 0800 para contatos. No site, construído especialmente para o Curso há, ainda, uma biblioteca virtual que complementa o estudo dos módulos.

 

 

IX) Legislação:

Parecer CNE/CES 303/2000, aprovado em 4 de abril de 2000.
Resumo: Consulta sobre a matrícula em cursos de especialização de candidatos recém-graduados que ainda não possuem o diploma de graduação.
Disponível em: http://www.mec.gov.br/cne/parecer.shtm

Resolução CNE/ CES nº 1 de 3 de abril de 2001.
Resumo: Estabelece normas para o funcionamento de cursos de pós-graduação.
Disponível em: http://www.mec.gov.br/cne/parecer.shtm

Resolução CNE Nº 2, de 26 de junho de 1997.
Resumo:Dispõe sobre os programas especiais de formação pedagógica de docentes para as disciplinas do currículo do ensino fundamental, do ensino médio e da educação profissional em nível médio.
Disponível em: http://www.mec.gov.br/cne/parecer.shtm

PROFAE - Saúde Promovendo Educação

  Carta » 
EEAN - Escola de Enfermagem Ana Neri
EEAN © 2003 Webmaster